FieldStar® II
Tecnologia faz toda a diferença.
FieldStar® II
FieldStar® II
O sistema Fieldstar é o primeiro sistema para mapeamento mecanizado da produtividade.
Você está em / Home / Produtos / Agricultura de Precisão / FieldStar® II
O sistema Fieldstar é o primeiro sistema para mapeamento mecanizado da produtividade. Atualmente, esse sistema é opcional da linha de colheitadeiras Valtra e consiste de sensores, receptor GPS e um terminal de interface com o usuário, onde os dados de colheita são armazenados em um dispositivo móvel (cartão de dados). Ao executar a operação de colheita os sensores de produtividade e umidade fazem a leitura de acordo com as condições da lavoura.
 
Esses dados são então georreferenciados através da informação de posicionamento vinda do receptor GPS. Além da informação de produtividade e umidade, muitas outras informações operacionais são coletadas e armazenadas, dando condições de que, posteriormente, no escritório sejam gerados mapas temáticos de cada variável coletada.
 
A técnica do mapeamento de produtividade é muito importante dentro do ciclo da agricultura de precisão, sendo ela o ponto de partida ou até mesmo a forma de conferência do manejo empregado ao longo do ciclo.
Quer saber por que você deve fazer o mapeamento da produtividade? Confira.
 
1) Identificação da variabilidade da lavoura
2) Aferição da produção da lavoura
3) Balizador – acertar erros da lavoura
4) Referência para a amostragem inteligente ou dirigida de solo e planta
5) Pode ser o ponto de entrada na agricultura de precisão
6) Análise econômica da lavoura
7) Cruzamento de dados para recomendação de aplicações em taxa variável 
8) Estimativa de exportação de nutrientes
9) Identificação de tetos de produtividade
10) Referência para outros mapas, imagens satélite, vigor, etc.
MODELOS
FieldStar® II
Armazenamento de dados
USB, Monitor C2100
Frequência receptor GPS
1 Hz
Monitor
C2100 (12,1”)
Sensor de produtividade
Fluxo de massa (força de impacto)
Sensor de umidade
Leitura contínua (Capacitância)
Tipo de arquivo de saída
ISO XML
Voltar para o topo